Existe mesmo Língua dos Anjos? O que a Bíblia diz?

A dúvida a respeito de uma possível “língua” ou “idioma” dos anjos surge a partir de 1 Coríntios 13.1ntios 13.1. Paulo diz

Ainda que eu fale as línguas dos homens e dos anjos, se não tiver amor, serei como o sino que ressoa ou como o prato que retine.”

Esse é o único versículo bíblico que menciona uma língua dos anjos. Então, vamos averiguar o que Paulo quis dizer.

Língua dos Anjos em 1 Coríntios 13.1ntios 13.1

Paulo escreve esse capítulo de sua carta enfatizando a importância do amor. Ele quer que seus leitores entendam que o amor é o caminho mais excelente. Embora, os cristãos possam exercer vários dons e ministérios, o centro de tudo isso deve ser o amor ao próximo.

No primeiro versículo, o apóstolo fala de um possível domínio tanto das línguas humanas quanto das angelicais. No grego, Paulo coloca o verbo falar entre as “palavras dos homens” e “até mesmo as dos anjos”. A posição desse verbo é para enfatizar a referência à fala dos anjos.

Se eu falar nas línguas dos homens, até mesmo as dos anjos.” Com essa afirmação condicional, Paulo indica que ele próprio não se ocupa de falar em línguas no culto público (14.19). Ele parece estar dizendo: “Suponhamos que eu, como apóstolo do Senhor, tenha o mais alto dom possível de línguas, aquelas que os homens usam, e até mesmo aquelas que os anjos usam. Como vocês, coríntios, me admirariam, até me invejariam e desejariam ter um dom igual!”.1 KISTEMAKER, Simon. Comentário do Novo Testamento de 1 Coríntios.

Portanto, citar a Língua dos Anjos é um recurso retórico, para dar ênfase. Ele não está afirmando que é possível falar essa língua, ou mesmo que ela exista. Ele a cita apenas porque sabe que os Coríntios almejavam essas coisas para destacarem-se e receberem reconhecimento. Então, afirma, mesmo que você saiba falar todos os idiomas humanos e ainda mais, saiba até o idioma dos anjos, sem amor, sua fala será apenas um ruído sem sentido.

O dom de línguas e a língua dos Anjos

A palavra línguas pode significar línguas conhecidas, como em Atos 2. Mas nesse contexto (1 Co 13) parece indicar glossolalia (línguas estranhas), que alguns coríntios consideravam ser língua celestial. Entretanto, não é possível saber se é uma linguagem sobrenatural que os anjos falam ou se anjos têm a capacidade de compreender fala humana. 2 KISTEMAKER, Simon. Comentário do Novo Testamento de 1 Coríntios.

Primeiramente, deve-se deixar claro que não há versículos bíblicos que digam que o dom de línguas estranhas seja a língua dos anjos. São duas coisas diferentes. Além disso, Paulo diz “Pois quem fala em língua não fala aos homens, mas a Deus. De fato, ninguém o entende; em espírito fala mistérios.”(1 Coríntios 14:2ntios 14:2). Veja que quem fala em línguas estranhas está falando para Deus, não para os homens e também não para os anjos. Apenas para Deus.

Qual língua os anjos falam?

Ao longo da Bíblia, vemos relatos de anjos se comunicando com seres humanos. Em todas essas ocasiões, eles falaram os idiomas humanos. Veja quando o anjo Gabriel conta a Maria que ela terá um filho (Lucas 1.26-56Lucas 1.26-56). Ou quando o anjo fala com o sacerdote Zacarias (Lucas 1.11-17Lucas 1.11-17). Nesses exemplos, o anjo Gabriel se comunica em um idioma humano comum. No Antigo Testamento, temos a história de Balaão, que teve um encontro com o Anjo do Senhor (Nm 22.32Nm 22.32). Novamente, o Anjo se comunica no idioma de Balaão. Nesses exemplos e em outros, vemos que os anjos falam a língua dos homens quando necessário.

Visto que o anjo é um mensageiro, é mais lógico imaginar que ao se comunicar, ele fale na língua daquele que receberá a mensagem. Mas não há relatos bíblicos a respeito de um idioma celestial, nem mesmo que este idioma esteja acessível aos seres humanos.

Conclusão

A Bíblia não revela se há uma língua angelical. Não sabemos qual é a forma de comunicação usada pelos anjos entre si. Todavia, relatos bíblicos mostram que anjos usam linguagem humana para se comunicar com humanos. Vemos também que o dom de línguas não está relacionado à língua dos anjos. O dom de línguas é uma manifestação em que aquele que fala se direciona a Deus, não aos anjos.

Leave A Reply

Your email address will not be published.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More