Por que devemos orar? Conheça mais sobre a oração!

Devemos orar porque a oração é parte essencial da vida do cristão. Ela é parte fundamental do nosso relacionamento com Deus. Através dela, falamos com Deus, adoramos, pedimos perdão, colocamos nossas necessidades diante do Pai Celeste.

A oração fortalece o espírito e aprofunda nosso relacionamento com Deus.

A oração nos conduz a uma comunhão perene com o Pai […] Orar é mudar. A oração é a principal via usada por Deus para nos transformar […] Na oração – a oração de verdade-, começamos a orar segundo os pensamentos de Deus: desejas as coisas que ele deseja, amar as coisas que ele ama, querer  as coisas que ele quer. Aprendemos progressivamente a enxergar as coisas do ponto de vista dele. 1 FOSTER, Richard J. Celebração da Disciplina

 

Orar é seguir o exemplo de Jesus!

O próprio Jesus orava sempre e fez questão de ensinar isso aos seus discípulos.

“De madrugada, quando ainda estava escuro, Jesus levantou-se, saiu de casa e foi para um lugar deserto, onde ficou orando”.Marcos 1.35Marcos 1.35

Inspirado pelo exemplo de vida de oração de Jesus, um discípulo lhe pediu: “Senhor, ensina-nos a orar, como João ensinou os discípulos dele” Lc 11.1Lc 11.1

Sendo assim, devemos orar pois Jesus nos ensinou a importância da oração no nosso dia a dia.

Só para ilustrar, no último dia de sua vida (a sexta-feira começava na noite de quinta-feira), Jesus orou três vezes: no Cenáculo, no Getsêmani e no Calvário. No cenáculo, orou pelos discípulos e por aqueles que creriam nele (Jo 17.20Jo 17.20). No Getsêmani, Jesus orou por ele mesmo: “Meu Pai, se for possível, afasta de mim este cálice” (Mt 26.39Mt 26.39). Na cruz, das sete palavras ali proferidas, três foram orações: a primeira, em favor daqueles que o crucificavam (“Pai, perdoa-lhes”); as outras duas, em favor dele mesmo (“Deus meu, Deus meu, por que me abandonaste?” e “Pai, nas tuas mãos entrego meu Espírito!”). 2 A vida de oração de Jesus. Revista Ultimato, Ed 336.

Devemos orar de joelhos?

Não é obrigatório orar de joelhos. A postura no momento de oração deve ser de reverência. Principalmente, reverência na mente e no coração, respeitando a Deus enquanto se fala com ele. Colocar-se de joelhos para orar é um gesto de reverência, submissão e evidência que nos reconhecemos como frágeis, indignos de estar na presença de um Deus tão grande e tão poderoso. Colocar-se de joelhos é a atitude comum diante de um rei e demonstra que ele está acima de nós. Mas, há outras posturas comuns para a oração ao longo da Bíblia.

Nos tempos de Jesus era comum os judeus orarem em pé no templo, com braços abertos e olhando para o céu ou para o chão:

“O publicano, porém, estando em pé, de longe, nem ainda queria levantar os olhos ao céu, mas batia no peito, dizendo: Ó Deus, tem misericórdia de mim, pecador!” Lucas 18:13Lucas 18:13

Em outras passagens, vemos relatos de oração de joelhos com braços estendidos:

“Quando Salomão terminou a oração e a súplica ao Senhor, levantou-se diante do altar do Senhor, onde tinha se ajoelhado e estendido as mãos para o céu.” 1 Reis 8:541 Reis 8:54

Ou apenas de joelhos:

“E, havendo dito isto, pôs-se de joelhos, e orou com todos eles.” Atos 20:36Atos 20:36

Há também relatos de pessoas orando deitadas:

“Então virou Ezequias o seu rosto para a parede, e orou ao Senhor.” Isaías 38:2Isaías 38:2

Essas diferentes posturas não interferem na aceitação da oração por parte de Deus. Entretanto, é importante perceber que em nenhuma delas vemos desleixo ou falta de reverência.

Além disso, perceba que fechar os olhos também é parte da nossa postura de oração. Fechamos os olhos para nos concentrarmos em Deus e na oração. De olhos fechados, não deixamos nossa atenção se perder com aquilo que nos cerca, mas focamos na presença de Jesus.

Por que devemos orar uns pelos outros?

Pois, somos parte de um só corpo. Uma família da fé que cuida uns dos outros em amor, paciência e sinceridade. A oração pelo outro é um gesto de amor e cuidado. O ponto de partida para orar pelos outros é ouvir, atentando para a orientação divina. É essencial estar sintonizado com Deus, ou seja,  ouvir, conhecer e obedecer a vontade de Deus antes de harmonizá-la em oração com a vida de alguém. De fato, se verdadeiramente amarmos as pessoas, desejaremos para elas bem mais do que podemos dar, e isso nos levará à oração. 3 FOSTER, Richard J. Celebração da Disciplina

Por que orar se Deus sabe tudo?

É fácil nos enganarmos acreditando que tudo no universo está determinado e que não adianta orar, porque, afinal, nada será mudado. Contudo, isso é fatalismo, e obviamente, não é isso que a Bíblia ensina. Nas Escrituras, aqueles que oravam faziam-no com ousadia, como se as orações pudessem mudar as coisas de maneira objetiva. O Apóstolo Paulo diz que somos “cooperadores de Deus” (1 Co 3.91 Co 3.9), ou seja, trabalhamos com ele na construção e resultado dos eventos. 4 FOSTER, Richard J. Celebração da Disciplina

Isso não quer dizer que a oração é forma de manipular o Senhor, mas que ele leva em conta nossas orações enquanto age na história. Essa é uma tremenda responsabilidade para o cristão. Podemos influenciar e tocar a realidade em que vivemos através do poder da oração.

Além disso, é importante frisar que, embora Deus conheça todas as nossas necessidades, ele nos chama a colocar tudo diante dele em oração.

“Não andem ansiosos por coisa alguma, mas em tudo, pela oração e súplicas, e com ação de graças, apresentem seus pedidos a Deus. E a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará os seus corações e as suas mentes em Cristo Jesus.” Filipenses 4:6,7Filipenses 4:6,7

Portanto, colocamos nossas aflições, angústias, necessidades diante de Deus, não apenas para obter a solução que queremos. Mas, porque através da oração, a graça de Deus traz paz para nossos corações. A oração nos fortalece, não porque traga solução imediata, mas porque nos aproxima do nosso Pai que nos conforta, dá paz, nos guarda em Cristo. A oração não é um meio de pedir coisas, é, no entanto, um encontro especial com o próprio Deus. Um encontro que nos toca e transforma. Sendo assim, devemos orar, não porque Deus precise das nossas orações, mas, porque nós precisamos nos conectar com Deus.

Por quais motivos devemos orar?

Na Bíblia vemos diferentes motivos legítimos de oração. Jesus nos ensina a orar assim:

“Vocês, orem assim: Pai nosso, que estás nos céus! Santificado seja o teu nome.
Venha o teu Reino; seja feita a tua vontade, assim na terra como no céu.
Dá-nos hoje o nosso pão de cada dia.
Perdoa as nossas dívidas, assim como perdoamos aos nossos devedores.
E não nos deixes cair em tentação, mas livra-nos do mal, porque teu é o Reino, o poder e a glória para sempre.” Amém. Mateus 6:9-13Mateus 6:9-13

A oração de Jesus traz coisas simples como o pão de cada dia, o sustento para nossas necessidades. Mostra que devemos orar glorificando a Deus, pedindo sua vontade, clamando por perdão e força para vencer o mal. Veja que ele pede para “nós”, não apenas para si. Ou seja, na oração não cabe egoísmo e desejos fúteis.

“Quando pedem, não recebem, pois pedem por motivos errados, para gastar em seus prazeres.” Tiago 4:3Tiago 4:3

Devemos orar por coisas que glorifiquem a Deus e pedindo sua graça e misericórdia em nosso dia a dia. Podemos pedir por uma cura, ajuda no trabalho, por alguma pessoa, buscar uma orientação, pela família, contra o mal Mas, não é só pedir, devemos agradecer, louvar a Deus também.

Orações não precisam ser longas, podemos fazer várias pequenas orações durante o dia. Não é necessário usar uma linguagem complicada e difícil. Ore simples, como uma criança conversando com seu pai. Seja sincero. Orar não é só falar, ouvir a voz de Deus durante a oração é essencial. Pratique a oração e ela se tornará mais fácil, mais natural. Peça a Deus que lhe mostre por quais motivos deve orar. Não ore apenas por você, ore pelas pessoas à sua volta, por sua cidade, por seu país. Confie que Deus está ouvindo e conversando com você. Veja outras pessoas orando e aprenda com suas orações.

“Orai sem cessar.” 1 Ts 5:171 Ts 5:17

Leave A Reply

Your email address will not be published.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More